Conheça o estilo de vida dos nômades digitais e como atuar nesse modelo de trabalho

Atualmente, trabalhar distante dos escritórios tem se tornado cada vez mais comum no mundo dos negócios. O home office quase não era reconhecido no mercado pelas empresas, com a chegada da pandemia causada pela Covid-19 o mundo corporativo encontrou maneiras de adaptação, sendo assim recriando o novo modo de trabalhar.

Publicidade

Por isso, com o ‘’novo normal’’ está sendo possível trabalhar de qualquer lugar do mundo. Então, foi descoberto o novo método de trabalho que já existe há muito tempo que são os famosos nômades digitais. Para entender como funciona, quais benefícios e malefícios dessa modalidade de trabalho continuem acompanhando esse artigo.

O que são nômades digitais?

Os nômades digitais são profissionais que trabalham de forma online. Consequentemente, não precisam estar em um escritório, cidade ou país em específico. Desde que possuam uma boa internet que funcione em qualquer parte do mundo. O escritório desses profissionais é o mundo, eles não conhecem a palavra monótono, porque todos os dias são praticamente diferentes um do outro. Entretanto, existem nômades que são bastantes comuns de encontrar, por exemplo, fotógrafos, designers e redatores.

Publicidade

Porém, isso não quer dizer que todas as pessoas que trabalhem remotamente são necessariamente nômades.  Além disso, é importante acabar com o mito de que nômades digitais não trabalham só na praia. A luz solar, o calor e a areia tornam o uso dos computadores muito complicado. Então, as fotos postadas por esses trabalhadores são apenas para as redes sociais.

Com o que eles trabalham?

Os nômades digitais não têm ocupação de função específica. Como dissemos anteriormente, desde que tenha uma internet de boa conexão, a pessoa pode ser um advogado, produtor ou até arquiteto. Por isso, é sempre bom afirmar que diversas funções são permitidas, desde que consiga executar as tarefas.

Publicidade

Embora, a escrita, o design e o marketing digital sejam caminhos potenciais, não há restrições para entrar nesse mercado. Os serviços de videochamada e mensagens instantâneas, como Zoom e Skype, permitem que você produza e realize negócios e forneça serviços aos clientes sem ter que estar fisicamente presente.

Onde é que eles vivem?

No entanto, falando por cima os nômades digitais podem viver em qualquer lugar. Mas, por razões óbvias, alguns lugares são mais acolhedores para nômades digitais, como o custo de vida baixo, boa infraestrutura, conexão rápida e outras questões afetam as escolhas.

Vantagens e desvantagens de ser um nômade digital

Todavia, a lista de benefícios é extensa e os nômades digitais geralmente são bastantes curiosos. Por isso, a maior vantagem é vivenciar constantemente novas culturas e realidades sem abrir mão da profissão, além de liberdade, flexibilidade, mobilidade, realização pessoal e profissional. Esses são tesouros inestimáveis.

Ainda falando sobre os pontos positivos viver como nômade digital é poder viajar pelo mundo (sozinho ou acompanhado), não ter horário fixo, poder trabalhar na praia, no café ou no parque e ter uma melhor qualidade de vida.

Agora, a maior desvantagem é a instabilidade financeira enfrentada por muitos nômades digitais. O maior desafio que esses profissionais enfrentam é encontrar empregos, clientes ou criar seus próprios modelos de negócios para atingir um determinado nível de segurança. Nem todos os meses você terá o dinheiro que precisa ou deseja, e seu horário de trabalho não terá limite.

Como migrar e se tornar um Nômade digital?

Ter um planejamento é a peça chave para fazer a transição nessa modalidade de emprego. Primeiramente, é necessário ter um trabalho que tenha uma certa liberdade. No entanto, citamos algumas profissões em que é possível se encaixar, mas caso não tenha, comece procurando vagas que permitem esse processo.

Para ajudar você a entrar nessa nova onda, vamos listar tópicos de como ser um nômade. Mas, não esqueça que são conselhos para começar, não precisa necessariamente segui-los.

  • Tenha planejamento na ponta do lápis

Se você deseja ser um trabalhador internacional é extremamente indispensável que você crie um roteiro. É preciso atentar-se para essas ocasiões de qual visto será necessário, período de permanência, como está em relação a vacina, sobre alfandega e outras coisas.

  • Vá preparado para imprevistos

Contudo, se preparar nos mínimos detalhes diminuem riscos de imprevistos. Prestar atenção e ter cuidado em certas categorias que precisamos fax toda diferença, como o que levar de necessário na mochila, lista de lugares desejáveis, financeiro controlado e outros. Entretanto, circunstâncias inesperadas sempre irão surgir, os ‘’perrengues’’ as vezes são fundamentais para tornar a sua experiência ainda mais incrível.

  • Estude o inglês

Nem precisamos falar muito sobre esse ponto. Falar o idioma inglês é essencial. Por isso, para não passar esse perrengue fora do Brasil, aprenda e estude a língua. Além de ajudar no dia a dia, outras oportunidades de emprego surgem. Afinal, praticamente o mundo todo fala a língua inglesa.

Para concluir, entrar nesse novo modo de vida é preciso entender que nem sempre será confortável e cômodo. Então, é preciso estar ciente que nem tudo será lindo e passar por dificuldades e problemas ajudará você no seu crescimento pessoal e ainda fornecerá experiências inesquecíveis.

VEJA TAMBÉM: Jovem Aprendiz Magazine Luiza: Saiba como se inscrever, benefícios e critérios

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário